O Nerd Escritor
Feed RSS do ONE

Feed RSS do ONE

Assine o feed e acompanhe o ONE.

Nerds Escritores

Nerds Escritores

Confira quem publica no ONE.

Quer publicar?

Quer publicar?

Você escreve e não sabe o que fazer? Publique aqui!

Fale com ONE

Fale com ONE

Quer falar algo? Dar dicas e tirar dúvidas, aqui é o lugar.

To Do - ONE

To Do - ONE

Espaço aberto para sugestão de melhorias no ONE.

Blog do Guns

Blog do Guns

Meus textos não totalmente literários, pra vocês. :)

Prompt de Escritor

Prompt de Escritor

Textos e idéias para sua criatividade.

Críticas e Resenhas

Críticas e Resenhas

Opinião sobre alguns livros.

Sem Assunto

Sem Assunto

Não sabemos muito bem o que fazer com estes artigos.

Fórum

Fórum

Ta bom, isso não é bem um fórum. :P

Projeto Conto em Conjunto

Projeto Conto em Conjunto

Contos em Conjunto em desenvolvimento!

Fan Page - O Nerd Escritor

Página do ONE no Facebook.

Confere e manda um Like!

@onerdescritor

@onerdescritor

Siga o Twitter do ONE!

Agenda

Agenda

Confira os contos e poemas à serem publicados.

Login

Login

Acesse a área de publicação através deste link.

(2) Moby [agenda]
(3) Prova [agenda]
(13) Burqa [poesia]
(11) Ursos [poesia]
(14) 100 [conto]

Publicado por ONEbot

– que publicou 282 textos no ONE.

Oi!

Sou o ONEbot. Se esse texto esta em meu nome, provavelmente ele foi publicado no ONE nos primórdios de sua existência.

O autor real do texto deve aparecer junto ao corpo dele, logo no incio.

>> Confira outros textos de ONEbot

>> Contate o autor

* Se você é o autor deste texto, mas não é você quem aparece aqui...
>> Fale com ONE <<

Nov
30
2010

Viajem

Escritor: Vinicius Machado

viajem

Não lembro de alguma vez ter visto Ster tão nervosa como hoje. Estamos a caminho de sua cidade natal, para conhecer seus pais. Bom, para eu conhecer seus pais.

Sempre que olho seu sorriso radiante, penso como tive sorte de ficar com ela.

Nos conhecemos quando ainda estávamos na faculdade, ela fazia direito e eu fazia cinema. Lembro até a ocasião: Esta eu e um amigo dando os últimos retoques em um roteiro, para um curta que iriamos gravar, e ela entrou com uma amiga, sentou em frente ao balcão. As duas pediram um copo de coca-cola. Diego, meu amigo, me chamou a atenção, dizendo:

– Ó lá, cara! A loirinha ta te olhando.

Mas eu estava de olho na Ster. Morena alta, cabelos encaracolados, olhos castanhos, lábios carnudos e com um grande e lindo sorriso. Então resolvi fazer daquele lugar uma cena de musical. Cantada em conjunto que eu e o Diego sabíamos de cor.

Me aproximei dela, cumprimentei, conversei e perguntei se ela gostava de Élvis. Disse que sim, e não conhecia alguém que não gostasse. Daí, eu emendei e disse:

– Bom, não quero me gabar mas…canto igual o Élvis.

Ela riu, disse que era impossível alguém cantar igual ao rei. Fiz um sinal para o Diego, que estava ao lado da Jukebox, e começou a tocar Kiss me quick. Fiquei ilustrando a musica enquanto ela ria muito. Meu comparsa entrou fazendo os backing vocals, foi muito divertido. Nesse dia trocamos telefones. Um mês depois nós estávamos namorando, e eu não queria saber mais de ninguém. Em um ano fomos morar juntos. E agora estamos indo pedir a benção dos pais dela, para o casamento.

Finalmente chegamos. Eles moram em uma fazendo de, mais ou menos, sete hectares. Já perto da casa, avisto ao longe um homem baixo com um bigode, que se misturava com a barba comprida, usando uma bombacha, camiseta do inter e calçando uma velha alpargata, ao seu lado uma senhora bem arrumada com um sorriso aberto, lindo – Agora sei de quem a Ster puxou o sorriso -. Nervoso pergunto no caminho para Ster:

– Amor, não tinha dito que teu pai era gremista? – Ela, sorrindo, respondeu
– Calma, é só pra ver a tua reação.

Saio do carro, recebo um caloroso abraço da dona Maria e um forte aperto de mão do sogrão. Tentando me enturmar, indago:

– Ta, mas que camiseta feia é essa?

O nego velho encheu os olhos de lagrimas e me deu um forte abraço.

– Entra filho! Vamos tomar um mate.


Categorias: Contos | Tags: , , ,

31 Comments»

  • Andrey Ximenez says:

    =]

    Uma Ster feliz, ao contrário do meu texto
    xD

    • Rainier Morilla says:

      Seria um prequel?

      Seria Vinicus Machado um pseudônimo com nome de dois autores (Vinicios de Moraes e Machado de Assis)?

      Isso me lembrou Dead Space com Isaac Clarke! (Quem não souber os autores merece a morte por desmembramento estratégico!)

  • Vinicius Machado says:

    XD! VAleu pelo comentário!
    Comentem pessoal!

  • Asami says:

    Outra Ster! Espero que os outros não caiam matando em cima desta também, ela parece ser bem simpática hehehe 😀


    Gostei do seu conto, Vinicius. Conciso e bem escrito, muito legal o enredo. Parabéns!

  • Lord Jessé says:

    Bacaninha!

    E agora vou falar uma coisa que ninguém falou.


    … Outra Ster! Oh!

    Mas tá bem legalzinho.

    • Andrey Ximenez says:

      KKkk

      A explicação pra essa ster ta no preludio de “Escolhas na Escuridão”

      Tem um commnt meu falando sobre…

      =]

  • Thainá Gomes says:

    Legal gotei.

  • Vinícius, gostei de seu conto. Leve e bem escrito. Bonita a emoção do final, singela. Parabéns!!

  • Vinicius Maboni says:

    Bacana, bem fluido.
    Nunca entedi foi a diferença entre viagem e viajem.
    =/
    De qualquer forma, parabens.

    • Valeu o comentário Chará! =D

      É comum termos essa dúvida! Sempre quando vamos escrever ficamos na incógnita: escrevo com “g” ou com “j”?

      Vamos esclarecer esse problema de uma vez por todas! Observe:

      a) A viagem que você irá fazer demora bastante, não é mesmo?

      b) É provável que você viaje hoje, não é?

      Qual a diferença entre essas orações acima, além das grafias viajem e viagem?

      Na primeira, viagem é um substantivo que faz parte do sujeito. Já na segunda, é um verbo do sujeito “você”.

      Assim, toda vez que viagem for um substantivo e indicar o ato de viajar, deverá ser escrito com “g”.

      Quando for a flexão do verbo viajar na terceira pessoa do plural do presente do subjuntivo, virá com “j”: que eles viajem o mais breve possível, pois o trânsito já está começando a ficar ruim.

      Veja outros exemplos:

      Vocês fizeram boa viagem?
      Não é bom que vocês viajem com chuva.
      Eu viajei para Espírito Santo e foi ótimo!
      A viagem para Espírito Santo foi ótima!
      É praticamente certeza que a minha viagem será adiada!
      Fonte: http://www.brasilescola.com/gramatica/viagem-ou-viajem.htm

  • Fabricius Zatti says:

    Ótimo!!! Já ouvi histórias verídicas de o sogro se passar por colorado e ser na verdade gremista só para testar a reação do rapaz.

  • lobaempeledeovelha says:

    Adorável e tão fluido quanto um rio.
    Que tal um jantar?(Sorriso malicioso)podíamos conversar sobre como você fluiria deliciosamente em meu estômago.
    Não fique com medo,após a primeira mordida,não sentira mais nenhum medo ou dor.(Mais um autor para meu banquete literário)

  • Cara.. que viajem. Hehehehe. 😀

    Gostei do conto, muito estranho o final. Misturou Nos Tempos da Brilhantina e terminou como A Casa das Sete Mulheres! 😀

  • Humm, devia ter colocado o Elvis na imagem também. Só me dei conta agora…. e agora foi. 😐

  • Vitor Vitali says:

    Achei meio boring. ):







  • Só eu vi a loba cair matando em cima do Viny?

    o.o

    O.o

    O.O

RSS feed for comments on this post.


Leave a Reply

Powered by WordPress. © 2009-2014 J. G. Valério