O Nerd Escritor
Feed RSS do ONE

Feed RSS do ONE

Assine o feed e acompanhe o ONE.

Nerds Escritores

Nerds Escritores

Confira quem publica no ONE.

Quer publicar?

Quer publicar?

Você escreve e não sabe o que fazer? Publique aqui!

Fale com ONE

Fale com ONE

Quer falar algo? Dar dicas e tirar dúvidas, aqui é o lugar.

To Do - ONE

To Do - ONE

Espaço aberto para sugestão de melhorias no ONE.

Blog do Guns

Blog do Guns

Meus textos não totalmente literários, pra vocês. :)

Prompt de Escritor

Prompt de Escritor

Textos e idéias para sua criatividade.

Críticas e Resenhas

Críticas e Resenhas

Opinião sobre alguns livros.

Sem Assunto

Sem Assunto

Não sabemos muito bem o que fazer com estes artigos.

Fórum

Fórum

Ta bom, isso não é bem um fórum. :P

Projeto Conto em Conjunto

Projeto Conto em Conjunto

Contos em Conjunto em desenvolvimento!

Fan Page - O Nerd Escritor

Página do ONE no Facebook.

Confere e manda um Like!

@onerdescritor

@onerdescritor

Siga o Twitter do ONE!

Agenda

Agenda

Confira os contos e poemas à serem publicados.

Login

Login

Acesse a área de publicação através deste link.

Publicado por theouroborosx

– que publicou 2 textos no ONE.

Amante de ficcao cientifica

>> Confira outros textos de theouroborosx

>> Contate o autor

* Se você é o autor deste texto, mas não é você quem aparece aqui...
>> Fale com ONE <<

Oct
15
2015

The Ouroboros

Já sentiu aquela sensação de olhar para o céu noturno, imaginando o quão vasto é o universo, se perguntando se existe mais alguém la fora. Outras civilizações tão avançadas quanto os humanos são, se são capazes de explorar seus planetas vizinhos, suas estrelas mais próximas, ou até mesmo, outras galáxias.

Os humanos encontraram a resposta em 11 de Julho de 2117… Ou melhor, ela os encontrou.

Capitulo I – Dos céus

08:43 p.m, dez de julho de 2117, um grupo de astronomos amadores terminam de montar seus equipamentos no deserto de Atacama, na fronteira do Chile com Peru. A noite estava calma, sem vento, porém muito gelada, com temperaturas entre 2 e 4C. O acampamento era dividido entre astrofotógrafos amadores, entusiastas da área e estudantes de física da região que almejam um emprego na área.

A noite foi passando, e entre uns copos de chá quente e as conversas sobre os mais variados assuntos, as fotografias vão sendo tiradas. Hora os aglomerados da constelação de Virgo estão em foco, hora os de Centauro. Até que por volta das 01:07am, um de seus instrumentos, que focava a região de Acrux, a mais brilhante do cruzeiro do sul, registrou algo incomum.

-Hey, pessoal, venham ver isso! Tem uma luz de fraca magnitude, se parece uma estrela branca, porém aparece em pontos diferentes de uma foto para outra, alguém tem alguma idéia do que pode ser?
-Tem certeza?

-Sim, olha só… E ela está ficando mais brilhante também.

-Vou checar o online e ver o que pode ser.

Prontamente, um dos estudantes fez uma busca rápida em seu computador, atras de informações de satélites ou sondas que poderiam estar emitindo aquela luz, ou que poderiam explica-la.

E antes que ele fosse a fundo em sua busca, seus amigos ja podiam ver a luz a olho nú.

-Cara, pode esquecer essa busca e vem ver isso!

-Caramba! Está vindo em direção à Terra?

-Não sei, mas que parece estar se aproximando rápido, isso não da pra negar.

Os jovens então, largaram todos seus equipamentos e apenas olhavam o céu todo iluminado, se perguntando.

-Talvez seja uma Supernova, não?

-Uma supernova não deveria se mover de posição de uma foto para outra.

-Não sei. Provavelmente. Mas nao se parece muito com as fotos da Supernova de 2068 na constelação de Orion.

-Pois é, meus pais me falaram de como foi. O céu ficou iluminado por semanas, e mesmo durante o dia era possivel notar a explosão. Era como se houvessem dois sois!

-É, pode ser, mas aquilo estava invisível há alguns minutos atrás, e agora ja esta tão brilhante quanto Jupiter!

-Pois é, mas se essa luz continuar a aumentar, acho que teremos outro sol em breve.

Todos riem por um momento.
A estranha luz não parava de aumentar sua intensidade e tamanho, e em apenas alguns minutos, ja estava tão brilhante quanto a lua cheia, iluminando todo aquele deserto rodeado de montanhas.

-Pessoal, ja estou ficando assustado. E se for um asteróide?

-Não se preocupe com asteróides. Com todo o investimento dos paises em conjunto para evitar este tipo de catástrofe, acho improvavel que as defesas da Terra falharam. Por favor né, estamos em 2117. Temos bases na Lua e em Marte. Acham mesmo que seriamos exterminados por asteróide?

-Tá, tanto faz… Mas mesmo assim as defesas da Terra parecem não ter feito nada contra essa luz sinistra.

Então, a luz se apaga.
O silêncio toma conta do deserto por alguns segundos.

-O que foi que aconteceu?

-Bom, podemos descartar ser uma Supernova, já que durou apenas alguns minutos!

-Pelo menos não foi um asteróide!

-Verdade! Essa foi a coisa mais estranha que ja presenciei em toda a minha vida.

-Vou checar online se mais alguem viu o mesmo que nós.

-Isso mesmo! Acho que presenciamos algo muito raro, amigos!

Com uma busca na internet e na rede de astronomos pelo mundo, mais de 3 milhões de resultados foram obtidos, e o que não faltavam eram teorias sobre o que poderia ter sido aquilo. Teste de armas secretas, supernovas e asteróides eram as mais citadas.

É, não foram apenas os jovens no deserto do Chile que presenciaram algo incrivel. Relatos em vários paises do hemisfério Sul, principalmente da Austrália, onde a agência espacial australiana ja divulgava dados mais precisos do ocorrido, quer dizer, também não tinham ideia do que poderia ser, mas ja descartavam a possibilidade de testes de armamento e supernovas.

-Cientistas do mundo todo estão sem respostas para o evento celeste dessa madrugada. Mas o que poderia ter sido aquilo? – Questiona um jornal online Australiano.

-O fenômeno, seja lá qual foi, ocorreu apenas na Terra, o que aumentam as chances de algo ter atingido a Terra, de alguma forma – Afirma um dos astronautas Russos em Marte.

-Ciêntistas Brasileiros afirmam: Nenhum tipo de destroços de possivel asteróide foram encontrados, descartanto a hipótese. – Diz o porta-voz do governo Brasileiro.

Ninguém sabia explicar o que de fato ocorreu naquela noite. Mas as notícias num mundo altamente conectado chegam de pressa, e de repente, o mundo todo noticiava a mesma manchete: “Encontrada a provavel fonte da luz misteriosa, no extremo sul do Pacífico”.

Drones utilizados por pesquisadores na Antártida, integrantes da Instituto Tecnológica Antartico (AIT), encontraram tal objeto flutuando sobre o Pacífico. O mundo ficou apreênsivo por horas. Enquanto os detalhes não chegavam, todos se perguntavam o que era aquele objeto. Mas ficou bastante claro que aquilo não era de autoria humana, ainda mais quando as primeiras imagens de satélite chegaram. Era colossal!

-Como é possivel um onjeto tão grande entrar na Terra e nenhum satélite o detectar? Estamos mesmo à salvo? – Indaga um Jornal Chines.

-Paises que gerenciam o maior número de satélites e telescópios espaciais não tem nenhuma explicação para o ocorrido, e estão revisando todo o material coletado durante a noite – Reporta um outro jornal Mexicano.

O Obejto flutuava a uma altitude de 9,7Km de altitude, sem nem sequer emitir sons. Sua aparência se assemelhava à uma auréola negra. Era circular, planava na horizontal, nao possuia nada semelhante a turbinas, ou sistemas de propulsão. Definitivamente não era tecnologia humana.

O exército Argentino em cooperação com o exército Chileno foram prontamente avisados, estabelecendo uma base no extremo sul do continente Americano. Equipes da marinha enviaram tropas para a Antartida para reforçar a segurança dos integrantes do AIT, e usavam seus Drones para checar mais de perto da descoberta flutuante.

-Nenhum sinal de resposta do objeto Senhor! – Reporta um oficial do Exercito Chileno à seu superior.

-Continuem com os Drones, e qualquer mudança de comportamento me avise imediatamente. – Responde o Ministro da Defesa.

O mundo inteiro estava assistindo aos noticiários religiosamente naquele dia, até mesmo os humanos em Marte. Estavam todos em busca de respostas. Já não estavam mais preocupados. Estavam apenas curiosos, mas isso mudou bruscamente em alguns minutos…

-Senhor Ministro, responda! Acho que algo aconteceu no centro do objeto. Uma luz esta sendo emitida, mas nenhum som a acompanha. – Reportam os soldados.

-Verifiquem os sinais de infra-vermelho, de raios-x. Qualquer coisa que nos de pistas a respeito dessa coisa. – Ordena o Ministro.

-Sim senhor!

Chegavam mais e mais reforços de paises visinhos. O Brasil chegou a enviar uma frota de navios para a Antartida para ajudar no que pudesse. Os EUA mandaram seus poderosos porta-avioes, em conjunto com os Japoneses.
Estavam ficando impacientes com aquele suspense. Não tinham ideia de como proceder nessa situação, mas sabiam que não deveriam usar a força.

Mas algo finalmente aconteceu.

Uma pulso eletromagnética interferiu em todas as frequências usadas para informação global. Todos param o que estavam fazendo.
Seja lá quem são, Eles tem a atenção do mundo neste momento, obrigatóriamente.

-Olá, planeta Terra!

PARA CONTINUAR LENDO OS OUTROS CAPITULOS, VA PARA
http://theouroborosx.blogspot.com.br/

No Comments»

RSS feed for comments on this post.


Leave a Reply

Powered by WordPress. © 2009-2014 J. G. Valério