O Nerd Escritor
Feed RSS do ONE

Feed RSS do ONE

Assine o feed e acompanhe o ONE.

Nerds Escritores

Nerds Escritores

Confira quem publica no ONE.

Quer publicar?

Quer publicar?

Você escreve e não sabe o que fazer? Publique aqui!

Fale com ONE

Fale com ONE

Quer falar algo? Dar dicas e tirar dúvidas, aqui é o lugar.

To Do - ONE

To Do - ONE

Espaço aberto para sugestão de melhorias no ONE.

Blog do Guns

Blog do Guns

Meus textos não totalmente literários, pra vocês. :)

Prompt de Escritor

Prompt de Escritor

Textos e idéias para sua criatividade.

Críticas e Resenhas

Críticas e Resenhas

Opinião sobre alguns livros.

Sem Assunto

Sem Assunto

Não sabemos muito bem o que fazer com estes artigos.

Fórum

Fórum

Ta bom, isso não é bem um fórum. :P

Projeto Conto em Conjunto

Projeto Conto em Conjunto

Contos em Conjunto em desenvolvimento!

Fan Page - O Nerd Escritor

Página do ONE no Facebook.

Confere e manda um Like!

@onerdescritor

@onerdescritor

Siga o Twitter do ONE!

Agenda

Agenda

Confira os contos e poemas à serem publicados.

Login

Login

Acesse a área de publicação através deste link.

conto da noiteO Conto da Noite
Rituais
As pessoas trabalhavam felizes em meio aos limoeiros. Homens e mulheres contentes colhiam os frutos que surgiam abundantemente naquele lugar.

Em meio ao tumulto, um casal arrumava tempo para brincar.


Publicado por Evandro Furtado

– que publicou 95 textos no ONE.

Ocupações: Estudante de Letras (sim, isto é ocupação) e escritor amador em tempo vago.

Base de operações: Lavras/MG (por mais que eu duvide que esteja realmente aqui, às vezes).

Interesses: Cinema, música, literatura, professional wrestling e uma boa pizza se for possível.

Autores Influentes: Stephen King, Dan Brown, Agatha Christie, Paulo Coelho, Tolkien.

Objetivos: Parafraseando o Coringa de Heath Ledger: “I just do things!”

>> Confira outros textos de Evandro Furtado

>> Contate o autor

* Se você é o autor deste texto, mas não é você quem aparece aqui...
>> Fale com ONE <<

21

#ficadica 004 – Escrever todo dia é a fórmula do sucesso?

Muito tempo atrás, em uma galáxia distante, trabalhei em uma drogaria prestando assistência farmacêutica para pagar a escola de cinema. Ser farmacêutico de balcão é um trabalho cansativo e curioso, com duas facetas opostas. Há o lado burocrático e entediante de conferir receita, fazer registro no livro de controlados, ter horário certo para tudo e lidar com fiscalização. E há o desafio intelectual de entender o que está dentro daquelas caixinhas, tirar as dúvidas mais surreais dos clientes e ajudá-los de fato, acalmar os mais revoltados e treinar a sua equipe.

ficadica-eric-4

Para aliviar a pressão do lado burocrático, adotei a seguinte postura: de segunda a quinta eu seguia todas as regras da empresa, da cor do sapato à entonação do bom-dia. Sexta-feira, my game, my rules. Sexta era o dia de não levar desaforo para casa, de responder ao cliente, ao chefe e aos funcionários exatamente o que eu estava pensando. Sexta era o dia de juntar o cara de jaleco branco com o aluno da escola de cinema.

(more…)

Publicado por Eric Novello em: #ficadica,Sem Assunto | Tags: , ,
6

#ficadica 003 – Oficinas de literatura valem o seu dinheiro?

Quando decidi mudar de profissão, me inscrevi no Instituto Brasileiro de Audiovisual e fiz um curso de roteirista de cinema. A Escola de Cinema Darcy Ribeiro, ou “a Darcy” como nós a chamávamos, foi uma parte fundamental do meu amadurecimento como autor.

Embora não tenha me envolvido em muitos projetos, nunca vi no audiovisual o ranço com a profissionalização que existe na literatura. Fazer um filme exige uma quantia considerável de dinheiro, mesmo por aqui (sim, estamos na era do um celular na mão e uma ideia na cabeça, mas são exceções). O número de profissionais envolvidos é enorme, tanto na equipe criativa quanto na de apoio técnico. Todo mundo quer fazer bem-feito, com a consciência de ter o mundo como mercado potencial.

(more…)

21

#ficadica 002 – Talento tem a ver com dedicação?

Os faraós eram escolhidos pelos deuses egípcios. Os reis tinham a benção do deus cristão. E os escritores? Qual divindade destrambelhada decide quem pode ou não ser um escritor?

(Até o advento dos blogs, impressão on demand, e-books etc. quem decidia quem podia ou não ser um “autor publicado” era um cara chamado editor, mas isso a gente deixa para um próximo texto).

No meu agnosticismo, eu acredito em talento. Segundo o Houaiss, uma capacidade inata ou adquirida, o que nos permite incluir um ponto importante: a dedicação. Acredito no “inato” porque cada um de nós tem mais afinidade com um assunto, prática etc., seja por questão genética ou pelos caminhos que escolhemos sem nos darmos conta. Acredito no “adquirido” porque é o treino que permite aprimorar a técnica. É a prática que antecede a espontaneidade.

(more…)

3

#ficadica 001 – Apresentação da casa

Oi, pessoal. Bem-vindos a este novo espaço que tocarei de setembro em diante enquanto o assunto render ou até o cansaço bater, o que vier primeiro. Vai depender muito do retorno de vocês.

O #ficadica será voltado para novos autores, pessoas que já deram seus primeiros passos na literatura ou estão pensando em se meter nesse mundinho cheio de armadilhas.

A ideia é aproveitar o conhecimento acumulado ao longo de quase dez anos e falar um pouco de bastidores, mercado, criação de histórias, gêneros, problemas a se evitar e outros assuntos que forem surgindo naturalmente.

(more…)

Powered by WordPress. © 2009-2014 J. G. Valério