O Nerd Escritor
Feed RSS do ONE

Feed RSS do ONE

Assine o feed e acompanhe o ONE.

Nerds Escritores

Nerds Escritores

Confira quem publica no ONE.

Quer publicar?

Quer publicar?

Você escreve e não sabe o que fazer? Publique aqui!

Fale com ONE

Fale com ONE

Quer falar algo? Dar dicas e tirar dúvidas, aqui é o lugar.

To Do - ONE

To Do - ONE

Espaço aberto para sugestão de melhorias no ONE.

Blog do Guns

Blog do Guns

Meus textos não totalmente literários, pra vocês. :)

Prompt de Escritor

Prompt de Escritor

Textos e idéias para sua criatividade.

Críticas e Resenhas

Críticas e Resenhas

Opinião sobre alguns livros.

Sem Assunto

Sem Assunto

Não sabemos muito bem o que fazer com estes artigos.

Fórum

Fórum

Ta bom, isso não é bem um fórum. :P

Projeto Conto em Conjunto

Projeto Conto em Conjunto

Contos em Conjunto em desenvolvimento!

Fan Page - O Nerd Escritor

Página do ONE no Facebook.

Confere e manda um Like!

@onerdescritor

@onerdescritor

Siga o Twitter do ONE!

Agenda

Agenda

Confira os contos e poemas à serem publicados.

Login

Login

Acesse a área de publicação através deste link.

conto da noiteO Conto da Noite
Rituais
As pessoas trabalhavam felizes em meio aos limoeiros. Homens e mulheres contentes colhiam os frutos que surgiam abundantemente naquele lugar.

Em meio ao tumulto, um casal arrumava tempo para brincar.


Publicado por Evandro Furtado

– que publicou 95 textos no ONE.

Ocupações: Estudante de Letras (sim, isto é ocupação) e escritor amador em tempo vago.

Base de operações: Lavras/MG (por mais que eu duvide que esteja realmente aqui, às vezes).

Interesses: Cinema, música, literatura, professional wrestling e uma boa pizza se for possível.

Autores Influentes: Stephen King, Dan Brown, Agatha Christie, Paulo Coelho, Tolkien.

Objetivos: Parafraseando o Coringa de Heath Ledger: “I just do things!”

>> Confira outros textos de Evandro Furtado

>> Contate o autor

* Se você é o autor deste texto, mas não é você quem aparece aqui...
>> Fale com ONE <<

3

Resenha: Filhos do Éden – Anjos da Morte

Filhos do Éden - Anjos da Morte

click para comprar Anjos da Morte

Anjos da Morte é o segundo livro da trilogia Filhos do Éden, escrita pelo Eduardo Spohr. Muito mais soturno e intenso que o primeiro, o livro se divide em duas narrativas nos apresentando parte dos conflitos do século XX e dando continuidade cronológica a Herdeiros de Atlântica.

(more…)

1

Anjos da Morte | Eduardo Spohr fala sobre seu novo livro em vídeo exclusivo

Filhos do Éden: Anjos da MorteFilhos do Éden: Anjos da Morte, o novo livro do brasileiro Eduardo Spohr, chega às livrarias em maio e o Omelete traz um vídeo exclusivo em que o autor explica a trama da nova obra e como funciona o seu universo literário, que já conta com A Batalha do Apocalipse e Filhos do Éden: Herdeiros de Atlântida. Confira no player abaixo:

Com lançamento previsto para o começo do próximo mês, o livro se passará durante a Segunda Guerra Mundial, mostrando a história de um dos personagens do primeiro livro, Herdeiros de Atlântida. A pré-venda já começou e pode ser efetuada neste link – o autor também já marcou uma série de lançamento ao redor do Brasil. [via Omelete]

Clique no link do Omelete para ver o vídeo.

1

Confira imagens, data de lançamento e mais detalhes sobre “Anjos da Morte”

Filhos do Éden: Anjos da Morte

Passado o carnaval, falta agora muito pouco para o lançamento de “Filhos do Éden: Anjos da Morte”. O livro está programado para sair em abril – assim que eu tiver uma data precisa, avisarei, com certeza. 

Imagino que muitos já saibam, mas não custa lembrar. Neste romance, o segundo da série “Filhos do Éden”, regressamos ao passado para contar a história de Denyel, um dos querubins exilados, e sua trajetória junto ao esquadrão dos anjos da morte, desde a invasão das tropas aliadas à Europa, durante a Segunda Guerra Mundial, à queda do Muro de Berlim, em novembro de 1989.

Quando o século XX raiou, o tecido da realidade, a barreira mística que separa os mundos físico e espiritual, adensou-se. Os novos meios de transporte, as ferrovias e os barcos a vapor levaram o progresso aos cantos mais distantes do globo, pervertendo os nódulos mágicos, afastando os mortais da natureza divina,alargando as fronteiras entre o nosso mundo e as sete camadas do céu. 

Isolados no paraíso, incapazes agora de enxergar o planeta, os malakins, responsáveis por estudar os movimentos do cosmo, solicitaram a ajuda dos “exilados”, anjos pacíficos, que há anos atuavam na terra. Sua tarefa, a partir de agora, seria participar das guerras humanas, de todas as guerras, para anotar as façanhas militares, o comportamento das tropas, e depois relatá-las aos seus superiores alados.

Disfarçados de soldados comuns, esse grupo esteve presente desde as praias da Normandia aos campos de extermínio nazistas, das selvas da Indochina ao declínio da União Soviética. Embora muitos não desejassem matar, era isso o que lhes foi ordenado, e o que infelizmente acabaram fazendo. [via Filosofia Nerd]

Tem muito mais informações e imagens do livro no link do Filosofia Nerd.

4

Prévia de Anjos da Morte, novo livro de Eduardo Spohr

Através de seu blog, Filosofia Nerd, Eduardo Spohr revelou artes conceituais, prévia da capa, sinopse, estimativa de lançamento e muito mais do seu novo livro Filhos do Éden – Anjos da Morte continuação de Filhos do Éden – Herdeiros de Atlântida.

LANÇAMENTO

Conforme anunciado anteriormente, “Anjos da Morte” ainda não tem data para ser lançado, mas provavelmente sairá no começo de 2013, depois do Carnaval(acreditem, nada no Brasil funciona antes disso). Prefiro não revelar detalhes da trama, mas o que posso dizer é que este volume contará a história de Denyel junto ao esquadrão dos anjos da morte, começando na Segunda Guerra Mundial, percorrendo o século XX e terminando na queda do Muro de Berlim. 

ENREDO (SEM SPOILERS)

Quando o século XX raiou, o tecido da realidade, a barreira mística que separa os mundos físico e espiritual, adensou-se. Os novos meios de transporte, as ferrovias e os barcos a vapor levaram o progresso aos cantos mais distantes do globo, pervertendo os nódulos mágicos, apagando o poder dos velhos santuários,afastando os mortais da natureza divina.

Isolados no Sexto Céu, incapazes de enxergar a terra justamente pelo agravamento do tecido, a casta dos malakins, cuja função é estudar e catalogar os movimentos do cosmo, solicitou ao arcanjo Miguel a criação de uma brigada que descesse à Haled para pesquisar os avanços da civilização. O príncipe ofereceu o serviço dos exilados, que há milênios atuavam na sociedade terrestre, alheios às batalhas que se desenrolavam no paraíso.

Destacados, então, para servir sob as ordens dos malakins, esses exilados foram reorganizados sob a forma de um esquadrão de combate. Sua tarefa, a partir de agora, seria participar das guerras humanas, disfarçados de meros recrutas, para anotar as façanhas militares, as decisões de campanha, e depois relatá-las aos seus superiores celestes.

Esse esquadrão tomou parte em todos os conflitos do século XX, das sangrentas praias da Normandia ao colapso da União Soviética. Embora muitos não desejassem matar, era exatamente isso o que lhes foi ordenado, e o que infelizmente acabaram fazendo.

Em paralelo às aventuras de Denyel, que se desenrolam cronologicamente de 1944 a 1989, acompanhamos também, no tempo presente, a jornada de Kaira e Urakin em busca do amigo perdido, que caíra nas águas douradas do rio Oceanus, durante a destruição da ilha-fortaleza de Athea (em “Herdeiros de Atlântida”).

Clique no link do blog do autor para saber mais sobre o livro.

Powered by WordPress. © 2009-2014 J. G. Valério